Rio de Janeiro, 21 de Setembro de 2020

Fotorejuvenescimento

Fotorejuvenescimento

Inúmeros fatores fazem com que ao longo da vida a pele vá adquirindo uma aparência mais envelhecida. Embora exista um arsenal de tratamentos para corrigir os sinais da idade e os danos causados pela exposição ao sol, nenhum outro método (seja ele com cremes, peelings, resurfacings) é tão eficaz como o Fotorejuvenescimento. Considerado por especialistas como o mais moderno conceito no tratamento facial, a método difere por ser o único a tratar, simultaneamente e com segurança, uma variedade de problemas de pele, como descolorações, marcas de nascença, pequenos vasos e sardas.

 

 

 

O tratamento é feito através da luz intensa pulsada que age em dois níveis: profundo e artificial. “Na aplicação superficial, a LIP consegue uma redução significativa das manchas com melanoses, sardas e diversas pigmentações, de pequenos vasos na região do nariz e de todo o rosto. Já na profunda, estimula o colágeno, permitindo a redução de rugas, cicatrizes de acne e outras marcas”, frisa a dermatologista Liane Junqueira Mazzarone, especialista em medicina estética.

 

 

 

O procedimento é simples. Cada sessão dura em média 20 minutos e pode ser aplicado com eficácia também no pescoço, colo e mãos. Um gel gelado é colocado sobre a área tratada e o paciente usa óculos apropriados para proteger os olhos da luz emitida através de um aplicador.

 

 

 

 “Dependendo do tratamento e da intensidade do problema, recomenda-se uma série de cinco ou seis sessões. Com esta técnica, conseguimos melhorar a aparência da pele sem romper sua superfície e o resultado é eficaz, seguro e indolor, permitindo que o paciente retorne imediatamente às suas atividades normais”, explica Dra. Liane que tem como clientes inúmeros famosos.

 

 

 

 

Liane Junqueira Mazarone

 Pós-graduada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro

 Membro da Sociedade Brasileira de dermatologia

 Membro da Sociedade Brasileira de Medicina Estética

 Membro-titular e fundadora da Sociedade Brasileira de laser em Medicina e Cirurgia

Crédito:Fabiana Gomes

Autor:Fabiana Gomes

Fonte:Universo da Mulher