Rio de Janeiro, 04 de Dezembro de 2021

Quer fazer um bom vestibular?

Relaxamento que ajuda na hora do vestibular
* Julio Ganiko
 
 
A partir de junho, milhares de estudantes concentram suas atenções para os vestibulares de meio do ano, um período tão aguardado e ao mesmo tempo temido.
 
Muitos deixam de lado qualquer outra prática que não sejam horas a fio destinadas aos estudos. A pressão acaba por gerar insegurança e, consequentemente, estresse.
Os problemas surgem em cadeia.
 

É comum os jovens se alimentarem mal e guardam poucas horas para o sono, agravando ainda mais o quadro de estresse e reduzindo a capacidade de concentração e memorização.
 
 
Algumas atitudes simples, baseadas em princípios da cultura oriental, podem auxiliar os estudantes, de forma que eles utilizem totalmente o seu potencial no vestibular.
 
 
* Cobrança excessiva não vai ajudar em nada: relaxe e estude com calma e tranqüilidade;
 
* Quando for estudar, procure um lugar calmo: desligue celulares, rádios, TV e afaste-se de qualquer coisa que possa distraí-lo;
 
* Mantenha um horário fixo para estudo e respeite-o: o corpo se prepara pelo horário para as atividades que você pratica;
 
* Antes de começar a estudar, sente-se e faça algumas respirações profundas e lentas de maneira confortável. Além da oxigenação do sangue beneficiar a concentração, o ar leva a energia vital para o corpo (Wei Tchi) que é responsável pela proteção contra os agentes causadores de doenças;
 
* Faça refeições leves a cada três horas, consumindo um pouco de tudo. Isso melhora a energia que vem do alimento (Inn Tchi) para nutrir os órgãos, inclusive o cérebro;
 
* Segundo a filosofia oriental, o baço é responsável por gerenciar o pensamento e o açúcar faz com que ele trabalhe com dificuldade, reduzindo a concentração e a memória. Substitua açúcares industrializados por doces da terra (frutas e verduras);
 
* Divirta-se! Se você não reservar um tempo para lazer, não vai aliviar a tensão, reduzindo ainda mais sua capacidade de concentração;
 
* Durma! Estudar tarde é muito improdutivo. O melhor horário para estudo é pela manhã – entre 9h e 11h – que é quando há mais energia no baço, responsável pelo pensamento.
 
 
 
 
 
 
Além dessas dicas, há diversos procedimentos que auxiliam o alívio da tensão e ansiedade: no dia anterior à prova do vestibular, o estudante pode fazer uma massagem relaxante, um shiatsu ou um banho de ofurô aromático para estimular toda a capacidade.
 
 
Boa prova!
 
*Julio Ganiko é consultor em terapias orientais e diretor do Spa Urbano Julio Ganiko, em Guarulhos. julio@spajulioganiko.com.br.
 


 

Crédito:Luiz Affonso

Autor:Rosa Pellegrino

Fonte:Composição Assessoria