Rio de Janeiro, 04 de Dezembro de 2021

Receita médica

Receita médica
De cada dez mulheres, oito estão permanentemente em cima do salto.
 
Além de torná-las mais altas e elegantes, o salto não é só recomendado por estilistas e gente do mundo da moda mas sim por diversos médicos, chegando a fazer parte do receituário de vários especialistas que sugerem aos seus pacientes aumentarem em pelo menos dois centímetros o tamanho do salto, sendo indicado para melhorar a circulação sangÜínea das pernas e evitar o inchaço dos pés.
 
Este é o resultado de um estudo recente, desenvolvido pela Universidade de Campinas que comprova que, ao contrário do que muitos pensam, o salto alto ajudar a melhorar a circulação das pernas.
 
Foram selecionadas 25 mulheres com e sem histórico de varizes, onde se mediu a pressão do sangue nas veias quando elas estavam em repouso.
Em seguida, elas caminharam sobre uma esteira descalças e usando sapatos de salto.
 
O resultado indicou que a pressão nas veias caiu 30% quando elas estavam com o salto, constatando que, usando salto, as mulheres andavam de forma mais correta, trabalhando todos os músculos da perna ao mesmo tempo, aumentando a contração e o bombeamento do sangue.
 
Com isso, a pressão sangüínea diminui, evitando o aparecimento de varizes que atingem 70% das mulheres.
 
A prática de aumentar o tamanho do salto é contra-indicada apenas àquelas que sofrem de dores na coluna.

Crédito:Fatima Nazareth

Autor:Fatima Nazareth

Fonte:Universo da Mulher