Rio de Janeiro, 22 de Novembro de 2017

Para viver e trabalhar com mais prazer e menos stress

Para viver e trabalhar com mais prazer e menos stress
Era uma vez uma alta executiva, que precisava falar em público, mas arrumava mil artifícios para fugir dessas situações.
 
Apesar de saber tudo sobre sua área, não conseguia passar os ensinamentos adiante. Suas mãos suavam e ela começava a gaguejar.
 
Até que um dia resolveu contratar um personal coach: tudo mudou para melhor. Embora possa parecer um “conto de fadas”, a técnica – utilizada pela terapeuta Patrícia Vieira de Andrade Ramos – tem ajudado muita gente a enfrentar a realidade da vida, de forma bem mais prazerosa e sem stress.
      
Segundo a terapeuta, a programação neurolingüística utiliza técnicas rápidas e criativas para libertar as pessoas de seus problemas. No caso daquela executiva, ele estava preso a uma cena de seu passado. “Trabalhamos o conteúdo que causava medo, direcionando para a coragem, sem ficar nos preocupando com as causas. O objetivo é sempre ir direto à solução. É um efeito dominó, que vai derrubando tudo o que freia o bom desempenho do cliente, em todas as áreas de sua vida”, afirma.
      
 
Em seu trabalho, Patrícia não rotula nada sobre seus clientes. Mas, sim, desperta os potenciais neles adormecidos. Ela lista cinco razões para que um executivo queira um coach: ter uma visão clara de sua carreira e vida; alinhar seus valores com sua realidade; ter um plano estratégico pessoal; atualizar suas crenças sobre si mesmo e seu trabalho; e lidar com estresse, falha e tempo de forma saudável. 
 
Pós-graduada em neuropsicologia, pela UFRJ, Patrícia possui, entre outros, os títulos de master pratictioner em programação neurolingüística, pelo Instituto NLP in Rio & NLP Institut Berlin; além de ser certificada internacionalmente como coach, pela Lambent do Brasil. Segundo ela, o importante não é saber de onde se vem, mas para onde se quer ir. “Muitas vezes, as pessoas dizem que sabem a origem da fobia de avião, por exemplo, e, quando a superam, constatam que não era nada daquilo que pensavam”, explica.   
 
Entre os objetivos da personal coach está o desenvolvimento do lado direito do cérebro, onde predomina a área artística dos seres humanos. “Tudo é uma questão de ponto de vista. Em um copo com água pela metade, alguns podem dizer que ainda está cheio do líquido; outros, terminando...”, comenta, diferenciando o comportamento de pessoas otimistas e pessimistas, sendo que as últimas costumam inventar problemas onde não existem.
      
 
Sob medida para cada cliente
      
Como o trabalho é feito sob medida para cada cliente, este tem, já a partir da primeira sessão, uma visão clara e específica sobre quais são os pontos  fortes, que alavancam sua carreira e vida, e quais os aspectos que devem ser equalizados para que chegue a uma melhor performance, com o menor esforço e maior retorno. Ou seja, ter uma melhor qualidade de vida!
      
 
Além de atuar como personal coach, Patrícia – que já desenvolve, há 25 anos, um trabalho como terapeuta em instituições públicas e privadas – realiza palestras motivacionais para inspirar, de forma divertida, inovadora e interessante, as pessoas a alcançarem seus sonhos.
      
 
“Sabe-se que os maiores paralisadores nas carreiras profissionais são os aspectos das relações inter e intrapessoais e, não especificamente, os aspectos técnicos. Assim, os profissionais mais adequados para vencer este jogo, certamente serão os que estiverem com o jogo interno ajustado para vencer e se manter na luta, brilhando”, diz.
 

Crédito:

Autor:Prima Press

Fonte:Sandra Malafaia