Rio de Janeiro, 24 de Outubro de 2017

Livro de Isa Colli em escolas no Brasil

Livro de Isa Colli que aborda empreendedorismo entra como apoio didático em escolas no Brasil

Com a editora IMEPH, a obra é sucesso em solo brasileiro incentivando a leitura entre as crianças

Isa Colli, escritora ítalo-brasileira, reconhecida na literatura infantil com os livros “Vivene e Florine em O Pirulito das Abelhas” e “A Fazendinha” é sucesso entre as crianças. Com linguagem lúdica, ela traz suas personagens em histórias divertidas e emocionantes, contribuindo, através da narrativa, para o despertar de valores como preservação da natureza, amizade e ética. Publicados pela editora IMEPH – voltada ao segmento de livros didáticos e paradidáticos –, os textos de Isa Colli chegam a cada vez mais leitores no Brasil.

Os livros foram adotados por escolas e integram o calendário escolar em várias disciplinas. É o caso do Colégio 14 de novembro, no Rio de janeiro e do Sesi Canaã, em Goiânia, que aderiram aos livros da escritora como material de apoio, devido ao conteúdo socioeducativo das histórias.


Abordagem
“O Pirulito das Abelhas”, por exemplo, conta a história de Vivene e Florine, abelhas empreendedoras que resolveram fundar uma fábrica de doces no lugar em que vivem, a aldeia Moinho. A fábula ensina sobre trabalho em equipe, respeito ao outro e a importância de viver em harmonia com a natureza e os semelhantes. Aborda ainda a relevância de se inserir na educação dos filhos os valores do trabalho e dos estudos, ferramentas essenciais para o crescimento pessoal e coletivo. 


“Tenho muita preocupação com a educação e, por isso, todos os meus livros têm mensagens importantes para os pequenos. Publiquei sete livros infantis que abordam temas como sustentabilidade, empreendedorismo, trabalho em equipe e respeito ao ser humano e às diferenças”, observa a autora.


Consciência ambiental
Já em “A fazendinha”, a temática de fundo é a sustentabilidade. O livro relata o passeio de um grupo de amigos a uma fazenda onde os alimentos são cultivados de forma sustentável, sem uso de agrotóxicos. As crianças da história compreendem o processo que envolve o cultivo e a comercialização de alimentos orgânicos e compreendem a necessidade de o ser humano se manter em harmonia com a natureza.

 

Crédito:Eliane Lima

Autor:Suellen de Andrade

Fonte:A Fonte Comunica