Rio de Janeiro, 02 de Agosto de 2021

Mulher atraente tem mais dificuldade de conseguir emprego?

Em um novo estudo, a ciência prova que a beleza pode ser, sim, uma carta na mesa quando se trata de conseguir um emprego. Dessa vez, quem sofre são justamente as mulheres bonitas.

De acordo com pesquisas recentes, homens de boa aparência têm 50% mais chances de serem chamados para entrevistas de emprego. Já as mulheres bonitas são muito menos propensas a conseguir uma entrevista.

O motivo?

Segundo os pesquisadores, a maioria dos funcionários de empresas de recursos humanos que fazem seleção para empregos através de currículos são mulheres jovens e solteiras. Presumivelmente, elas não estão interessadas em contratar a competição.

Embora possa soar machista, os pesquisadores conseguiram provar sua teoria em experimentos. O estudo envolveu o envio de 5.312 currículos em pares para 2.656 vagas de emprego em Israel. Em cada par, um currículo estava sem foto, enquanto o segundo, quase idêntico, continha uma foto de um homem ou uma mulher atraente, ou de pessoas com aparência mais comum.

Os resultados mostraram que os currículos de homens atraentes receberam uma taxa de resposta de 19,9%, quase 50% maior do que a taxa de resposta de 13,7% do currículo de homens menos atraentes, e mais do que o dobro da taxa de resposta de 9,2% dos currículos de homens sem foto.

O oposto ocorreu com as mulheres. Ao contrário da crença popular, as mulheres atraentes foram chamadas para um emprego menos frequentemente do que mulheres consideradas simples ou não atraentes, bem como mulheres que não tinham foto no currículo.

Crédito:Luiz Affonso

Autor:Redação

Fonte:Live Science