Rio de Janeiro, 25 de Maio de 2022

Sexo sem prazer: Um tormento que pode ser resolvido

Sexo sem prazer: Um tormento que pode ser resolvido
Há algumas décadas uma das maiores preocupações das mulheres era dedicar a sua vida à família, aos filhos sem se preocupar muito com as necessidades do seu corpo.
 
Sexo era discutido de forma reservada e silenciosa e neste contexto a mulher não sabia lidar com o próprio prazer.
 
Atualmente, ela vem buscando a plenitude no ato sexual e percebendo que o desejo pode fazer parte da sua vida.
 
Com estas necessidades e procuras muitas mulheres se depararam com problemas na área sexual.
 
Chamadas muitas vezes de frias não se davam conta que determinado problema poderia ser caracterizado como disfunção sexual feminina.
 
Segundo a terapeuta sexual e ginecologista Mariana Maldonado, fatores como o tipo de educação recebida, vínculo afetivo estabelecido com o parceiro sexual, depressão, traumas e outros problemas de ordem psicológica são algumas das causas deste problema.
 
“Alterações nos órgãos genitais como infecções vaginais, DST, má formação e tumores pélvicos também podem interferir neste processo”, explica a terapeuta. 
       
Embora muitas pacientes não precisem consultar um médico para saber se tem algum tipo de disfunção sexual o diagnóstico de um profissional é importante, pois muitas vezes desvenda as causas desta falta de desejo que pode ser ocasionada por problemas físicos e não somente de ordens psicológica e emocional. 
 


 

Crédito:Fatima Nazareth

Autor:Jaqueline Freire

Fonte:WF Comunicação