Rio de Janeiro, 23 de Outubro de 2017

Como utilizar cortinas nos ambientes da casa

As cortinas possuem várias finalidades. São práticas para garantir a privacidade do ambiente, diminuem o excesso de luminosidade e dão um toque na decoração.

Nesse projeto do Rio Interior Design podemos ver a sua importância na composição das salas e quartos, trazendo aconchego e sofisticação.

Com tantos modelos, cores e tecidos, sempre surgem dúvidas sobre o seu uso correto, mas segundo profissionais da área, a número um é respeitar o estilo do morador e a finalidade do seu uso.

Deve-se atentar para o ambiente: quando visualmente integrado, é aconselhável que se use peças repetidas, como podemos observar nesta foto que mostra sala de estar e jantar:



Para quem não gosta de repetir a mesma estampa, não há problemas, o importante é que esta regra é flexível.

Neste caso pode usar cortinas com diferenças sutis ou até mesmo inovar apostando em tecidos e cores ou estampas, desde que mantenham a harmonia do ambiente.

Lembrando que uma cortina não deve ser apenas bonita, ela deve atentar para o conforto.

E uma das principais finalidades das cortinas é evitar a incidência direta da luz exterior, que em muitos casos danifica os móveis e prejudica a pintura das paredes.

Nesta situação é indicado o uso de tecidos mais grossos como tergal, gabardine ou brim. Materiais como voal geralmente dispensam forros e tem alta resistência.

Esses tecidos são de fácil manutenção e limpeza, que de preferência devem ser feitas em lavanderias a seco.

Outra opção é a utilização de persianas, materiais sintéticos ou tecidos blecautes. Estes últimos são atrativos pelo baixo custo, trazendo cores variadas e estampas que dispensam o uso de uma cortina extra. Mas eles podem formar uma dupla com tecidos mais leves como a organza de seda:






A altura das cortinas é um fator importante, e mais uma vez tem que se levar em conta a finalidade do seu uso.

As mais curtas são para quando houver móveis próximos como cadeiras ou bancadas. Nos outros casos, opte sempre pelas mais longas, que toquem o chão em no máximo 2 cm a mais de sua altura. Essas dão um tom elegante e clássico ao ambiente e continuam sendo as preferidas dos designers de interiores.

 
 

https://1.bp.blogspot.com/-wuLfoVT44M4/VReHctY6YRI/AAAAAAAAGEo/wg3bUcOcodE/s1600/cortina-para-quarto-do-casal.jpg

 

Crédito:Luiz Affonso

Autor:Flávia Sanches Bernardes

Fonte:Universo da Mulher