Rio de Janeiro, 20 de Setembro de 2017

Glitch lança novo modelo de pochete

A Noir é o modelo de pochete mais versátil da Glitch, que também atende por belt bag ou waist bag. 

Além de pochete ela pode ser usada como carteira e cinto separado, tendo o couro legítimo como material e com uma proposta minimalista e elegante é feita para durar anos.

O modelo tem duas opções de cinto, tamanho PP/P ideal para usar na cintura, com calça de cintura alta ou roupas largas marcando a cintura e M/G, que permite usar tanto no quadril quanto transpassada no ombro. Feita em 100% couro legítimo, a mão no Brasil.

O lançamento conta com editorial criado pelo Estúdio New Relva, com fotografia assinada por Vivi Bacco e beleza por Jake Falchi.

"A ideia da pochete Noir foi fazer uma nova releitura do que é o acessório na moda atual, diferente daquelas usadas nos anos 80, ela é pequena do tamanho de uma carteira e cabe o essencial para quem não quer ficar carregando mil coisas ao sair de casa. Assim como todos os produtos da marca, a pochete Noir é unissex e no editorial fizemos questão de ter um menino e uma menina, e que ambos tivessem uma cara mais andrógena para não parecer muito um casal e sim confundir a questão da identidade de gêneros" afirma a sócia da marca.

Essa linha de belt bags ou waist bags é um caminho que a Glitch pretende percorrer e explorar mais, outros dois lançamentos estão por vir, ambos em couro e sempre trazendo a questão da praticidade associada a beleza.

A Glitch é uma marca que nasceu em fevereiro de 2017 com a missão de conceder às mãos e aos ombros a liberdade tão desejada. Desapegando dos estigmas que a moda impôs, a marca encara com beleza e diversão criando releituras modernas das famigeradas pochetes. Após o lançamento de carnaval e a coleção cápsula em veludo, a marca traz uma nova proposta de produto, a pochete Glitch Noir. 

 

site glitchonline.com.br

instagram @glitch_pochetes

facebook @glitchyourself

 

Crédito:Eliane Lima

Autor:Vanessa Bortoloso

Fonte:GualdiaAssessoria