Rio de Janeiro, 16 de Julho de 2019

Nestlé amplia família Mucilon com duas novas variedades de cereal infantil

A partir de março, a Nestlé incrementa a gama de cereais infantis e apresenta ao mercado nacional dois novos sabores da categoria: Multicereais e Arroz & Aveia.
 
 
 
 
 
As novidades agregam variedade ao cardápio infantil e oferecem praticidade para as mães no momento de complementar a dieta de crianças a partir do 6º. mês de vida, com alimentos sólidos.
 
Uma alimentação complementar saudável deve conter todos os grupos alimentares. Os cereais estão entre os principais componentes desta fase da dieta infantil, pois proporcionam energia sob a forma de carboidratos.
 
 
A recomendação  do Ministério da Saúde é de que 50% a 60% do total de energia consumida venham dos carboidratos. Simultaneamente, os cereais podem ser enriquecidos com vitaminas e ferro, nutrientes indispensáveis para o crescimento saudável em todas as etapas da vida da criança.
 
Mais que uma variação de cardápio, este tipo de alimento marca importante fase de transição na alimentação infantil. Além de valores nutricionais, o alimento deve apresentar sabor, consistência e textura suaves adequados à maturidade fisiológica e neuropsicomotora de forma a estimular diversos estágios do desenvolvimento infantil, como por exemplo, a coordenação motora com o início do manuseio da colher.
 
O cereal infantil Mucilon é indicado como alimento complementar para crianças a partir do 6º mês de vida. O produto foi desenvolvido especialmente para agradar o paladar das crianças em fase de descobertas de novos alimentos e apresenta sabor levemente adocicado e textura suave. O exclusivo sistema de produção, implementado pela Nestlé para essa categoria de produtos, resulta ainda num alimento de fácil digestão para a criança. A praticidade é outro ponto importante. Por ser alimento pré-cozido, seu preparo é fácil e rápido: não precisa ir ao fogo, basta diluir o produto em leite, conforme as instruções da embalagem.
 
 
 
 
 
O sabor Multicereais traz receita exclusiva da Nestlé, saborosa, nutritiva e inédita no segmento, composta pela combinação de Arroz, Milho e Trigo.
 
O Arroz é uma importante fonte de energia, pois é rico em carboidratos e fornece proteínas. O milho, além de proteínas, possui vitaminas do complexo B e sais minerais, indispensáveis para adequado funcionamento do organismo. E, finalmente, o trigo fornece proteínas e outros nutrientes como o cálcio e o ferro.          
 
 
A versão Arroz & Aveia soma os benefícios do Arroz aos da Aveia, um cereal que contém cálcio, ferro, proteínas, além de vitaminas, carboidratos e fibras.
 
 
Os novos sabores de Mucilon são ricos em ferro de alta absorção
- três colheres de sopa cheia (pó) fornecem 73% das necessidades diárias - e vitamina C, que potencializa a absorção de ferro pelo organismo.
 
 
A falta de ferro pode ocasionar atraso do desenvolvimento mental e motor, dificuldade de atenção e de discriminação de estímulos visuais, além de baixo rendimento escolar das crianças. Devido à acelerada velocidade de crescimento e ao fato das reservas do nutriente se esgotar ao fim do primeiro semestre de vida, a criança necessita de níveis cada vez mais elevados deste nutriente na dieta. No Brasil, a incidência da anemia ferropriva - decorrente da deficiência de ferro - em crianças abaixo de cinco anos varia de 40% a 50%, segundo o Departamento Científico de Nutrologia da Sociedade Brasileira de Pediatria. 
 
Na época de introduzir alimentos complementares na dieta infantil é importante estar atento em fornecer uma quantidade adequada de ferro e estimular a criança na formação de hábitos alimentares adequados, com adoção de alimentação variada composta por frutas, legumes, verduras, leite, carnes e cereais.
 
Agora, além dos já conhecidos sabores tradicionais de Milho e Arroz, as duas novas variedades de Arroz & Aveia e Multicereais complementam o cardápio das crianças.
 
 

O Ministério da Saúde adverte: após os seis meses de idade continue amamentando o seu filho e ofereça novos alimentos
 
 
 

Crédito:Fatima Nazareth

Autor:Juliana Machado

Fonte:CDN – Companhia de Notícias