Rio de Janeiro, 28 de Junho de 2017

Mulher - Como conciliar a carreira e a família com sucesso

Mulher - Como conciliar a carreira e a família com sucesso
A mulher do século XXI trabalha fora, é executiva, empresária, advogada, policial, administradora, gerente, frentista, motorista, professora, palestrante, economista, jogadora de futebol e outros muitos esportes, profissional de RH (como eu), etc.
 
Ascensão na carreira é um desejo comum às mulheres nos dias de hoje.
 
Mas o que fazer quando é preciso conciliar o emprego e família?
 
Muitas mulheres, além de uma carreira a conservar e um profissionalismo e competência que precisam provar diariamente aos olhos da sociedade machista, que infelizmente ainda existe, também ser uma boa esposa, boa filha, boa mãe, boa dona de casa, enfim, ela tem que se superar em tudo.
 
Apoiar, estimular, ensinar, orientar, entender, compreender.
 
É interessante notar quantos verbos de ação estão ligados à mulher.
 
É mais interessante ainda observar que há muito mais mulheres agindo, no detalhe, no grande (?), no dia-a-dia, para que as coisas aconteçam, permaneçam, floresçam.
 
Mais verbos. Percebe-se que a mulher é principalmente ação.
 
Na casa, na profissão, na família.
 
Aliás, quem está nesses \'lugares\' o tempo todo, quase ao mesmo tempo?
 
Isso parece algo proveniente do divino, do mágico.
 
 
Muitas vezes, nós mulheres, nos perguntamos:
 
Como administrar tudo em apenas 24 horas?
Como fazer tudo correr bem?
Como manter o controle?
Como deixar todos satisfeitos, inclusive a si mesma?
 
                        
 
O dia parece muito curto para fazer, coordenar e organizar tantas coisas.
 
A mulher que tem um papel tão importante e com tantas responsabilidades, que precisa aprender a lidar com o pouco tempo que tem e para isso precisa planejar-se, focar os objetivos, priorizar atividades.
 
Todas as atividades têm de ser cronometradas em sua vida, cada minuto tem uma importância incrível, tanto na vida pessoal, quanto na profissional.
 
Muitos se enganam que ser mãe, esposa, cuidar de casa e cumprir com os “deveres” de mulher não coincidem com estudar e ter uma carreira de sucesso.
 
Ledo engano.
 
Não é necessário abrir mão dos estudos ou do trabalho para ser boa mãe ou esposa, é necessário organização, otimismo, determinação e confiança em sua capacidade, maturidade para buscar alternativas, equilíbrio para raciocinar e ter idéias e assim, otimizar funções.
 
É necessário que ela tenha um aproveitamento constante do tempo, mantendo sempre o bom humor, a alegria, a perseverança e o desejo de “chegar lá”.
 
Mas é muito importante que você não espere que os outros a façam feliz. Apenas você pode desenvolver seu próprio senso de valor, identificar seu objetivo e percorrer seu caminho em direção à felicidade e ao sucesso.
 
A pessoa não realizada é um ser triste
 
Descobrir quem você é de verdade, buscar o caminho da auto-realização, é o maior presente que pode dar não apenas a si mesma, mas a todos que a rodeiam.
 
Ninguém é realmente capaz de prever o futuro.
 
O futuro não se prevê, se constrói com metas, perseverança, objetivos e planejamento e tudo isso só pode ser feito quando você se auto-analisar e descobrir realmente o que quer para sua vida, qual objetivo deseja perseguir e o quanto realmente quer isto.
 
Procure as respostas dentro de você mesma e descubra o que realmente a torna feliz.
 
Faça a distinção entre o que você apenas deseja e aquilo de que verdadeiramente precisa para se realizar como pessoa e depois disso, busque com afinco suas metas e seus objetivos para atingir esta realização.
 
O que caracteriza a mulher é a ação. Embora saiba observar, ouvir e pacientemente esperar, a mulher sabe agir.  O sucesso das mulheres se torna algo superlativo, pois conseguem, apesar das barreiras e das dúvidas, conciliar família e casamento com a carreira e conquistar a tão desejada realização em meio ao turbilhão de responsabilidades.
 
O segredo é fazer com amor, almejar tudo isso, querer o sucesso, querer ser, fazer, estar, chegar, ultrapassar.
 
A mulher é multifuncional, extremamente flexível e versátil e por estas qualidades é capaz de ser e fazer. Para isso, ela só precisa QUERER!
 
 
Andréia Alves de Brito Guedes é Consultora em RH da SEC Talentos Humanos e atua na área há 9 anos.
É casada e mãe de dois filhos: Luccas (6 anos) e Leonardo (8 meses).
 

 

Crédito:Andréia Guedes

Autor:Andréia Guedes

Fonte:Universo da Mulher